sexta-feira, 6 de abril de 2012

Problemas e soluções técnicas e comportamentais - a XI ReaTech

Problemas e soluções técnicas e comportamentais - a XI ReaTech
Há décadas mergulhamos em desafios existenciais que substituíram propostas ideológicas e metafísicas por teses concretas e reais. A humanidade descobriu que sua sobrevivência dependia da Natureza em toda a sua complexidade e riqueza de recursos materiais, minerais, animais e vegetais. ONGs e políticos fizeram a festa, nem sempre com focos sensatos. Bicho feio não tem padrinho, assim não descobrimos nenhuma entidade defendendo sapos, pererecas, minhocas, urtiga, urubu e coisas assim.
Vivemos mais e temos um potencial de comunicação incrivelmente superior ao de nossos avós. O mundo se transformou em espaço WEB. Aprendemos que existem pessoas que precisam de nós e da Ciência, que podem melhorar sem que se apele para questões que mataram tanta gente como as lógicas do “sangue azul”, representantes do Divino, riqueza pessoal, raças, uniformes etc.
O prolongamento da vida expõe qualquer pessoa a um período de redução de sua capacidade motora, intelectual, sensorial, saúde simplesmente. Vivendo tanto quanto dizem ser possível sentiremos o peso da idade e a agressividade violentíssima de cidades e ambientes construídos para atletas.
No Brasil tivemos avanços institucionais. Possuímos um conjunto de leis, decretos, normas, regulamentos e outras espécies de documentos mandatários que muitos especialistas em leis e ciências em geral desconhecem.  Essa é a nossa tragédia, a omissão e ignorância de quem tem poder para transformar o Brasil e faz muito pouco.
Alguns estados se destacaram graças a lideranças agora nacionais, que souberam mostrar e demonstrar a importância da pessoa com deficiência (por efeito de acidentes, genética, doenças, acidentes, urbanismo inadequado, mau comportamento social, idade avançada...). No Estado de São Paulo encontramos o ápice desse esforço e um evento comercial, mas bem usado, é um exemplo disso. A “XI Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade”, que acontece no Centro de Exposições Imigrantes (km 1,5) entre os dias 12 a 15 de abril é a oportunidade da maior concentração de brasileiros no Brasil e adjacências ver com facilidade o que existe e pode existir a favor da PcD. Para quem mora mais longe, podendo, vale a pena o esforço de visitá-la com calma. É grande e diversos eventos marcam a realização desta feira.  Naturalmente e com todo o direito a Prefeitura de São Paulo promove diversos encontros e outras entidades farão, relacionando:
·         II Seminário Internacional de Equoterapia - SEMIEQ
·         XI Seminário de Tecnologias de Reabilitação e Inclusão - REASEM
·         III Seminário de Tecnologias Avançadas em Fisioterapia - TECFISIO
·         Cursos de Aprimoramento Técnico Paradesportivo – ADD TRAINING
·         Seminário dos Expositores - REASHOW
·         Oficina fotográfica Acessível: Light Painting – MAM SP
·         Curso: Pet Terapia
·         Encontro Científico Ottoblock - REABILITAR
·         Palestra do CPB – Comitê Paraolímpico Brasileiro
·         III Seminário: A Sexualidade na Vida da Pessoa com Deficiência
·         I Encontro Nacional de Políticas Públicas para Mulheres com Deficiência – Narrativas (quase) esquecidas: A luta das mulheres com deficiência no Brasil
·         I Fórum Nacional sobre Tecnologia Assistiva
Tudo isso chega num momento extremamente importante quando o Governo Federal começa a realmente fazer algo concreto com o (Governo lança Viver sem Limite, 2011) e (Dilma anuncia investimento de R$ 150 milhões da FINEP para tecnologias assistivas, 2011) além do (Centro Nacional de Referência em Tecnologia Assistiva: Ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, visita CTI Renato Archer).
No Paraná discutimos a consolidação da legislação estadual existente (Fórum Paranaense dos Direitos da Pessoa com Deficiência – FPDPD, 2012) e assim deveremos ter uma lei dando maior facilidade de visão e compreensão do que existe e possa ser aprimorado a favor da PcD.
Em Curitiba as calçadas novas mostram a atuação da (Secretaria Especial dos Direitos daPessoa com Deficiência), mas temos um longo trabalho a realizar que depende demais da educação de nosso povo.
A visita à XI ReaTech poderá ser um momento marcante na vida de todos, de candidato a prefeito a ser arquiteto, engenheiro, médico etc. e, acima de tudo, aprender cidadania.

Cascaes
6.4.2012
Dilma anuncia investimento de R$ 150 milhões da FINEP para tecnologias assistivas. (18 de 11 de 2011). Fonte: BZPlan: http://www.bzplan.bz/pt/noticias/41-captacao-de-recursos/367-dilma-anuncia-investimento-de-r-150-milhoes-da-finep-para-tecnologias-assistivas-
Governo lança Viver sem Limite. (17 de 11 de 2011). Fonte: Presidência - Casa Civil: http://www.casacivil.gov.br/noticias/2011/11/governo-lanca-viver-sem-limite
Fórum Paranaense dos Direitos da Pessoa com Deficiência – FPDPD. (6 de 3 de 2012). Fonte: Fórum Paranaense dos Direitos da Pessoa com Deficiência - FPDPD: http://forum-paranaense-dos-direitos-das-pcd.blogspot.com/
Centro Nacional de Referência em Tecnologia Assistiva: Ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, visita CTI Renato Archer. (s.d.). Acesso em 6 de 4 de 2012, disponível em Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer: http://www.cti.gov.br/index.php/noticias/890-centro-nacional-de-referencia-em-tecnologia-assistiva-ministra-maria-do-rosario-da-secretaria-de-direitos-humanos-da-presidencia-da-republica-visita-cti-renato-archer-.html
Secretaria Especial dos Direitos daPessoa com Deficiência. (s.d.). Acesso em 6 de 4 de 2012, disponível em Prefeitura de Curitiba: http://www.curitiba.pr.gov.br/conteudo/equipe-sedpd-secretaria-especial-dos-direitos-da-pessoa-com-deficiencia/7



Nenhum comentário:

Mara Gabrilli eleita para Comissão da ONU sobre Direitos das Pessoas com...

Publicado em 12 de jun de 2018 Deputada federal do estado de São Paulo, no Brasil, Mara Gabrilli, recebeu 103 votos para integrar o ...